Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De repente já nos trinta

De repente já nos trinta

New hair | Fiquei mais loira

03.09.19, Girl About Town

1561914373038 (1).jpg

Pois foi.

Isto já não é de hoje.

Sempre fui uma indecisa no que diz respeito ao cabelo, tanto gosto de o ter mais claro, como de repente já o quero escuro.

Se até há um bom tempo atrás fazia estas mudanças um pouco sem pensar nas consequências, agora já tenho mais em conta que posso mudar sim mas tendo em conta o estado do cabelo. Ou seja quero continuar a mudar mas mantendo-o sempre o mais saudável possível.

A ultima vez que tinha pintado o cabelo foi em Novembro, fiz apenas uma descoloração ligeira das pontas, uma balayage, sem mexer na raiz. 

Como tinha o cabelo muito escuro e para não comprometer a saúde dos fios a descoloração foi mesmo ligeira, o que acabou por ficar mais claro mas não como eu gostaria que tivesse ficado.

E é isto que temos que perceber.

Por vezes não conseguimos logo que fique como queremos sem estragar o cabelo todo.

Como não se deve fazer várias descolorações num curto espaço de tempo lá esperei algum tempo até voltar a mexer.

Essencialmente esperei oito meses.

Desde ai que apostei muito em boas mascaras, cuidar muito bem dele para que quando fosse descolorar novamente a coisa corresse bem.

Entretanto descolorei novamente em Julho.

Fiz novamente balayage mas desta vez consegui chegar ao tom que queria.

Faço sempre com a mesma cabeleireira que já me acompanha há muitos anos e que sabe realmente o que o meu cabelo aguenta.

Usa sempre produtos de qualidade e isto acaba por se refletir muito no resultado final.

Como usa sempre produtos de qualidade e que ajudam a proteger o cabelo numa descoloração, como é o caso do Olaplex o cabelo acaba por não se danificar muito, ou nada mesmo.

Ou seja, o meu cabelo ficou sim mais seco, embora nada de muito preocupante, mas não partiu nem espigou.

Dois meses depois da balayage continua aqui impecável, já bem menos seco devido a todo o conjunto de mascaras que uso, sem pontas duplas.

Isto tudo para vos dizer que é bom mudar mas devemos procurar sempre um bom profissional, que conheça o nosso cabelo, que vos faça um teste da mecha para ver se o cabelo aguenta o que nós lhe queremos fazer e que também nos saiba dizer que não.

Porque isso é importante, as vezes estamos tão focadas na ideia de adotar uma nova cor de cabelo que nem vemos que isso pode comprometer a saúde do nosso cabelo.

Um bom profissional vai avaliar isso e vai aconselhar-vos da melhor forma.