Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De repente já nos trinta

De repente já nos trinta

Livro # 48 | O homem de giz

31.12.18, Girl About Town

350x (4).jpg

Sinopse

Toda a gente tem segredos...
Tudo aconteceu há trinta anos, e Eddie convenceu-se de que o passado tinha ficado para trás. Até ao dia em que recebeu uma carta que continha apenas duas coisas: um pedaço de giz e o desenho de uma figura em traços rígidos. À medida que a história se vai repetindo, Eddie vai percebendo que o jogo nunca terminou.
Um mistério em torno de um jogo de infância que enveredou por um caminho perigoso.
Um livro diferente dentro do género thriller, uma vez que combina o psicológico com um toque de Stephen King e umas pinceladas de Irvine Welsh.

Quando saiu este livro andei cheia de curiosidade de o ler, no entanto o tempo foi passando acabei por não o comprar, foi ficando esquecido até que um dia dei com ele na biblioteca.

Veio logo comigo para casa.

Como esperava gostei bastante do livro mas não foi daqueles livros que me apaixonou logo ao inicio.

Foi preciso tempo e só ao fim de algumas páginas é que me rendi completamente ao livro.

Este livro fez me lembrar bastante o "It - A coisa" de Stephen King assim como "Stranger Things" isto porque como personagens principais do livro temos um grupo de amigos, tipo um gangue de miúdos que vive várias aventuras no seu dia-a-dia e vão passando também por várias situações dramáticas.

O livro passasse em dois tempos,  enquanto crianças e depois vários anos depois já adultos.

Achei um livro bem criativo,  com uma historia bem original e escrito de uma forma bastante original e o final? Bem surpreendente.

Gostei bastante e fico com vontade de ler mais alguma coisa da autora.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.