Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De repente já nos trinta

De repente já nos trinta

Livro # 14 | O Clube Mefisto

27.03.17, Girl About Town

O clube mefisto.jpg

Sinopse

A palavra latina peccavi, «pequei», foi inscrita com o sangue de uma mulher, vítima de um crime particularmente macabro. Na cena do crime já se encontram a médica legista Maura Isles e a detective Jane Rizzoli. Rapidamente as duas constatam uma ligação entre o assassínio e a psiquiatra Joyce O’Donnell, uma celebridade em Boston, e que faz parte de uma sociedade secreta denominada o Clube Mefisto.Maura e Jane são arrastadas para uma terrível viagem ao âmago do mal, onde irão enfrentar um inimigo bem mais perigoso do que todos aqueles que já alguma vez perseguiram.

 

Quem por aqui me segue sabe que eu adoro os livros da serie Rizzolie & Isles de Tess Gerristen, acho-os fabulosos, infelizmente estou a acabar essa serie.

O ultimo que li foi até agora o meu favorito.

O clube Mefisto é fabuloso, genial.

Neste livro Rizzolie & Isles investigam um crime bem macabro que os leva até um clube, o clube mefisto.

Este clube tem a particularidade de contar com um conjunto de indivíduos que investiga vários crimes, principalmente aqueles mais violento.

O que eu achei de mais interessante foi a justificação que eles dão para as pessoas cometerem crimes, crimes violentos, mais macabros, crimes impensáveis.

Nos atribuímos muitas vezes a responsabilidade a doenças mentais, criamos a imagem do sociopata/psicopata e sempre que acontece algum crime realmente brutal nos classificamos a pessoa que o comete como uma destas coisas.

É interessante pensar em alternativas que justifiquem essas ações.

Acho que é um livro que vale bem a pena ler e a mim deixou-me a pensar em muitas coisas presentes no livro, deixou-me com vontade de saber muito mais sobre muitos dos temas que o livro aborda.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.