Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De repente já nos trinta

De repente já nos trinta

Isto de tentar ser mais saudavel # 2 | Refrigerantes

23.03.17, Girl About Town
    Um dos meus grandes objetivos para este 2017 era tentar ser uma pessoa mais saudável, começar por pequenas coisas como beber mais água e tentar reduzir o consumo de refrigerantes que como todos sabemos fazem muito mal era uma das minhas prioridades. Em quase três meses, estamos a meio de Março e eu comecei esta mudança de hábitos logo no meio de Janeiro, posso dizer que já consegui alguns progressos. Ainda não consigo beber os dois litros de água por dia que tenho como (...)

As rotundas fazem-se pela esquerda

29.09.16, Girl About Town
Tenho carta de condução há 8 anos e conduzo bastante, tanto no meu dia-a-dia de ir para casa, trabalho e faculdade e também no trabalho. Todos os dias conduzo a carrinha da empresa, ou seja, passo bastante tempo a conduzir, muitas vezes no transito como é óbvio. Por passar umas boas horas por dia a  conduzir, acho que isso fez de mim uma condutora muito pouco paciente. Há imensa coisa que me enerva na estrada mas a principal é aquelas pessoas, que apesar da lei já ter (...)

Opinião

25.07.16, Girl About Town
Fico impressionada com a velocidade com que as relações andam hoje em dia. Algumas pessoas conhecem-se, namoram e casam em menos de um ano. Eu namoro há quase cinco anos, conheço o meu namorado há 10 anos e só muito recentemente começamos a falar sobre casamento. A mim parece-me que com meia dúzia de meses de namoro uma pessoa mal conhece a outra, acho que é preciso tempo para nos conhecermos, para percebermos se somos suficientemente compatíveis para conseguir fazer um (...)

Não...Elas não estão sem make up...

06.04.16, Girl About Town
Muito se tem falado sobre o novo videoclip do Agir, que é um espectáculo, bonito, comovente que passa uma mensagem importantíssima para as jovens deste país que segundo consta andam a abusar demais da maquilhagem, o que aparentemente anda a provocar urticária em muitas pessoas. Muitas são as opiniões na sua maioria positivas, ainda não vi nenhuma opinião negativa sobre o mesmo. Ora eu, apaixonada confessa pela maquilhagem, que usa e abusa dela quando pode e que nada me faz mais (...)

Preconceito Literário.

16.09.15, Girl About Town
Foi-me feito um desafio por parte da Luísa do Blogue Vestido verde às bolinhas, vale a pena fazer lá uma (várias) visita (s). Em que é que consiste o desafio? Fazer um post sem o novo acordo ortográfico. E como o prometido, é devido, aqui está ele. E sobre o que é que vai ser o post? Sobre preconceito Literário   Há um bom tempo, num almoço entre amigos falávamos sobre livros. Quando um amigo me (...)

Iluminador Kiko | Beam of Light

09.09.15, Girl About Town
Acho que aqui toda a gente sabe que eu adoro a KIKO, é das minhas lojas de make preferidas. Nesta última vez que lá fui, comprei uns batons, que fica para outro post e quando estava a pagar a menina da caixa fez as tais vendas sugestivas, neste caso era um iluminador. Eu por acaso já há bastante tempo que queria um iluminador para o rosto, mas ainda não tinha encontrado assim um que me agradasse e que estivesse com um preço convidativo. Quando a menina me sugeriu o iluminador nem (...)

Depois do livro, o filme | Lugares Escuros

18.08.15, Girl About Town
  Descobri este filme por acaso. Já li o livro, inclusive já falei dele aqui mas não sabia que iriam fazer um filme. Estes dias quando via no site da Nos as sessões, para outro filme que eu queria ver reparei que tinha estreado “ Lugares Escuros” associei imediatamente o filme ao livro e pensei logo que queria ver o filme. Juntou-se o útil ao (...)

A polémica da alteração à lei da IVG

27.07.15, Girl About Town
A alteração da lei da IVG tem dado muito que falar. Na sua grande maioria são criticas à alteração, muita gente a dizer que se trata de uma regressão no direito das mulheres. Ora eu, andei a pensar muito nisto, quando a lei do aborto foi a referendo eu ainda não tinha idade para votar mas era a favor. Não tinha assim grande opinião formada sobre a coisa, mas dizia sempre que era a favor. Hoje, com 25 anos, tenho muitas dúvidas, sobre a minha posição. Nem vou aqui discutir (...)